Dignoestranho


Para a vida toda.
março 7, 2012, 9:06 pm
Filed under: Uncategorized

Ele não perguntou no jardim de infância.

Ele não perguntou no primário.

Ele não perguntou no ensino fundamental.

Ele não perguntou no ensino médio.

Ele não perguntou na faculdade…

E eu esperei ele perguntar como foi o primeiro dia de aula…

Eu esperei.

A única coisa que ouvi foi uma reclamação da roupa que eu usava e dos horários que ocuparão meu dia.

E ele ainda diz que quer ser meu amigo.

E a vida insiste que ele deve ser meu herói.

Eu queria saber ao menos um sonho dele… Ele não tem.

É um homem vazio.

É um homem fechado.

Procuro entender quais os momentos de alegria, de  paz… E não consigo.

Não consigo entender.

Hoje a lua ilumina todo o meu quarto, mesmo com as luzes apagadas, é a primeira  vez que isso acontece.

Hoje foi o primeiro dia de uma longa jornada, e o que eu tive?

O velho sentimento.

A velha sensação.

O gosto amargo que vou levar para a vida toda.

Anúncios

1 Comentário so far
Deixe um comentário

Sabes que nao precisas sentir esse gosto amargo, e que tem gente que te ama e te quer bem sempre!!

Comentário por Bianca




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: