Dignoestranho


Se eu acredito? Te provo!
outubro 11, 2011, 12:17 am
Filed under: Uncategorized

Não me venham com palavras que possam destruir meus sonhos.

Não me venham falar que o amor não pode ser de verdade, que não pode ser pra vida toda.

Eu conheço duas pessoas que podem provar que essas palavras estão totalmente erradas.

Conheço pelos olhares, pelas mãos dadas…

Pelos anos e anos que acalentam suas almas com companheirismo.

–   |  –

A porta se abre lentamente e nela adentra um homem cansado. Esse homem trouxe consigo toda a frustração que as pessoas depositaram nas palavras que fizeram ele escutar durante o dia, e que mesmo assim ele as escutou com toda a força que sabia que tinha. A porta se fechou lentamente para que não houvesse rangido algum, para que não perturbasse o silêncio daquele lar.

Ele passou o olho pela mesa, viu seu prato na ainda vazio acompanhado de seus talheres. Caminhou pela cozinha ainda com sua pasta na mão e pensando em como era bom poder chegar em casa.

 Ele começou a chorar quando se pôs na porta da sala. Sua esposa e seus dois filhos deitados no sofá, todos já adormecidos. Toda a frustração que ainda ecoava na sua mente pelas palavras que ouviu, se foi. Todo o cansaço que ele recuperaria em suas poucas quatro horas de sono já havia ido embora.

Ali ficou por algum tempo. Apenas admirando o que construiu junto à ela. Fechou os olhos, agradeceu à Deus e se pôs no chão, sentado.

Sua esposa abriu vagarosamente os olhos claros e o pega naquele momento, assustada pelas lágrimas se levanta com cuidado pra não acordar o menino de seis e a garota de dezesseis. Se juntou à ele no chão e o abraçou preocupada.

“Obrigado meu amor”

Foram as palavras que ela escutou dentre as lágrimas em tom ainda de balbucio.

Sem sombra de dúvidas era um choro repleto de felicidade, mas ela ainda preocupada o perguntou o que houve e ele a disse:

“Sabe a força que eu tenho todos os dias? Aquela que eu busco quando o dia não foi bom comigo? Essa força são vocês. Essa força foi o que tu me proporcionou amor. Eu te amo.”

E ela sorriu lhe retribuindo com um beijo afectuoso.

–  |  –

O que acontece em nossas vidas está escrito.

E é assim que eu penso.

Eu penso que o amor acontece pra quem o merece.

Eu penso em casais e consigo lembrar de felicidade intensa, mas consigo pensar em desastres…

O que faço?

Tomo como exemplo todo o sucesso.

Me transbordo de positividade.

A vida é justa com quem é justa com ela.

O amor verdadeiro vem.

Ele veio.

 

Anúncios

2 Comentários so far
Deixe um comentário

Amei Kra!!!
Vc soube ler a essência do nosso amor!!!
Te amo tbém!!!
Bjos pessoinha especial!!!

Comentário por Ana

Nossa, sem palavras aqui…
PERFEITO, acho que só essa define o que eu realmente achei desse texto… E concordo com o comentário de cima, você soube ler a essência do Amor!
De cara aqui, coração na mão, quase chorei huauhauah

Comentário por Luã Bregeron




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: